Brasil: Lançam iniciativa para implementar plano de resiliência em Salvador

 


Com o objetivo de implementar instrumentos de envolvimento do setor privado no desenvolvimento dos planos de resiliências das cidades, projeto 100 Cidades Resilientes (100RC) lançou em parceria com a  Fundação Avina e Fomin a  Iniciativa Regional de Cidades Resilientes.

A proposta é melhorar a resiliência urbana com a participação do setor privado noo desenvolvimento e implementação do plano de resiliência dos municípios. Além de Salvador, o projeto é realizado em outras três cidades da América Latina: Buenos Aires, na Argentina, Quito, no Equador e Cidade do México, no México.

“Integrar de forma efetiva o setor privado à estratégia de resiliência de Salvador é fundamental para o desenvolvimento e fortalecimento de uma economia resiliente na cidade, que gere valor para sociedade, empresas e seus negócios e para o município,” destaca a Gestora da Agenda de Cidades Sustentáveis da Avina no Brasil, Marcela Mondino.

Com o nome “Gerando Valor para o Setor Privado na Estratégia de Resiliência de Salvador”, o programa da capital baiana foi elaborado junto com a prefeitura e é baseado no conceito de economia resiliente. A iniciativa conta com quatro frentes de trabalho:

Para o Secretário de Sustentabilidade e Inovação André Fraga, “ o acordo entre o FOMIN, Fundação Avina e 100 Cidades Resilientes é uma iniciativa importante para a cidade porque fomenta o desenvolvimento sustentável e promove uma economia resiliente. A criação de um hub de resiliência urbana é sem dúvida um grande avanço para a América Latina.

“A construção da estratégia de resiliência para Salvador é colaborativa com vários setores da cidade. Muitas iniciativas e soluções já são implantadas ao longo da construção da estratégia. Com este evento estamos criando uma agenda em parceria com o setor privado e trabalhando aspectos práticos como o lançamento de editais de apoio a negócios resilientes” explica Adriana Campelo, Diretora de Resiliência de Salvador.

“Esta iniciativa é muito importante porque nos permite dar um passo fundamental rumo à integração de esforços e setores para a construção da resiliência urbana na região, um dos centros urbanos mais densamente povoados do mundo”, enfatiza Eugene Zapata, Diretor Regional para a América Latina e o Caribe do projeto 100 Cidades Resilientes. Como resultado da iniciativa, serão apresentados:

Em Salvador, o lançamento da Iniciativa Regional de Cidades Resilientes será comemorado com um evento que acontece nesta quarta-feira, dia 21 de fevereiro. O objetivo será compartilhar com todos as estratégias do projeto e começar a mobilização do setor privado.

Compartir en FacebookCompartir en TwitterCompartir en Google+

Noticias Relacionadas



The shortcode doesn't contain any grid name