Foto: AVINAFoto: AVINAFoto: AVINA
ContextooportunidadeEstratégiaAliançasDesafiosResultados

Contexto

Mais de 90% dos negócios na América Latina são pequenos e médios empreendimentos, que geram entre 25% e 40% dos empregos na região e contribuem com aproximadamente 15% a 25% do PIB.

Os microempreendimentos, as pequenas e médias empresas e os negócios inclusivos na América Latina enfrentam desafios parecidos: competitividade em termos de volume, qualidade e preços de seus produtos e serviços, acesso a mercados e consumidores, procedimentos, regulamentações e acesso a capital e financiamento.

Esses desafios em termos de produtividade e competitividade limitam a capacidade desses negócios de competir nos mercados locais e globais, que são cada vez mais exigentes. Dessa forma, o grande potencial das pequenas e médias empresas de gerar empregos, contribuindo assim para o desenvolvimento econômico inclusivo, não é aproveitado.


O mercado de capitais e investimentos está em fase inicial de desenvolvimento na região. Alguns dos gestores de fundos mais experientes possuem menos de dez anos de operação. Menos de 20% das redes de investimento “anjo” possuem mais de três anos de experiência.

Os negócios inclusivos são iniciativas economicamente rentáveis e ambiental e/ou socialmente responsáveis que utilizam os mecanismos do mercado para melhorar a qualidade de vida das pessoas de baixa renda, estimulando sua participação em todas as fases da cadeia de valor. Os negócios inclusivos são um meio de sobrevivência para quem vive na base da pirâmide e uma alternativa viável e eficiente como complemento à assistência tradicional dos governos e à filantropia.

Os negócios inclusivos na América Latina têm a oportunidade excepcional de dar às famílias de baixa renda mais acesso a produtos e serviços que melhorem sua qualidade de vida.

Oportunidade identificada pela Avina

Devido a seus recursos naturais, potencial agrícola e às forças emergentes da região, a América Latina possui grande potencial para desenvolver rapidamente mercados inclusivos que contribuam para a redução da pobreza e para promover a inclusão social e a mitigação e adaptação às mudanças climáticas.


A Avina busca promover a criação e ampliação de negócios com enfoque de resultado triplo: financeiro, social e ambiental, de modo que os negócios inclusivos sejam uma força importante da economia da América Latina. Dessa forma, buscamos demonstrar que é possível gerar riqueza com igualdade de maneira acelerada, inovadora e sustentável.

Estratégia de ação da Avina e seus parceiros

Para que um negócio seja bem-sucedido é necessário que haja um mercado e um ambiente facilitador, também inclusivo, que lhe ofereça condições de crescimento e sustentabilidade. A estruturação de um mercado competitivo depende de uma variedade de interações e transações entre seus atores. Estes atores reúnem-se em grupos ou “Ecossistemas de Mercados Inclusivos”.

Para fomentar um mercado inclusivo na América Latina, a Avina atua em três áreas principais:

Empreendedorismo por oportunidade: fortalecendo o ecossistema de empreendimentos, identificando e capacitando empreendedores por oportunidade e expondo a população em geral ao espírito empreendedor.


Investimento de impacto: criando e/ou fortalecendo diversos instrumentos de investimento na curva de capital, vinculando empreendedores de alto potencial a essas oportunidades de financiamento.

Desenvolvimento de negócios: fortalecendo parcerias e redes de colaboração que prestem serviços de incubação, aceleração e capacitação para empreendedores, de modo a melhorar sua competitividade.

Na América Latina, a Fundación Avina trabalha como uma articuladora, coinvestidora e facilitadora, utilizando seus recursos, presença local e relações com milhares de parceiros para apoiar e promover a iniciativa Mercados Inclusivos nos níveis nacional e regional.

Parcerias

A Avina trabalha permanentemente na busca de parceiros e no estabelecimento de vínculos de confiança que permitam a construção de agendas de ação compartilhadas com instituições importantes e reconhecidas.

A Avina colaborou para a criação e dinamização de plataformas adaptadas ao seu contexto. No cenário regional, destacam-se as


Desafios

Proporcionar asistencia técnica y capacitación para emprendedores y movilizar créditos y capital para la inversión de impacto.



desafios

Alguns resultados com nossos parceiros

Business to Disabled – B2D, no Peru

Business to Disabled”, organização voltada para a inserção de pessoas com deficiências no mercado de trabalho, conseguiu inserir 100 profissionais no mercado de trabalho, principalmente em médias e grandes empresas do Peru.

Esse tipo de investimento social e compromisso com a sociedade renderam à organização notoriedade no país e o primeiro lugar no Concurso Nacional de Projetos Inovadores da Universidade Peruana de Ciências Aplicadas por seu concurso de planos de negócios para pessoas com deficiências. O prêmio colocou a organização na mídia e fez com que ficasse conhecida.

O site da instituição na internet recebeu 88 mil visitas em 2010, e a organização conseguiu difundir suas campanhas e mobilizar 102 empresas para se associarem a seus projetos.

O Conselho Boliviano de Negócios Inclusivos (COBONEI) lidera o desenvolvimento de negócios e mercados inclusivos na Bolívia

Em 2011, será realizada a sétima edição do concurso “IDEIAS EMPREENDEDORAS”, um dos processos mais bem-sucedidos e de maior impacto na Bolívia, que faz parte de uma parceria entre o CONOBEI, a Rede Bolívia Empreendedora, a Fundação Nuevo Norte e a revista Nueva Economía.

Essa agregação de valor significa, entre outras coisas, que o COBONEI e a Rede Bolívia Empreendedora contribuirão com seu capital social para julgar as IDEIAS, contribuirão com fundos para as ideias ou negócios que sejam passíveis de serem reproduzidos por seu impacto e potencialidade e farão parte dos Comitês de Acompanhamento/Assessoria das propostas ganhadoras com alto potencial de impacto e potencial para serem reproduzidas.

Datos Claves